sábado, 19 de janeiro de 2019

Prefeito de Ipaumirim Dr. Geraldo (MDB) publico tabela com os preços que os Estudantes e Universitários terão que pagar para utilizar o transporte em 2019


Dr. Geraldo (MDB)
O Atual Prefeito do Município Dr. Geraldo (MDB) publicou uma nova tabela com os preços que os Estudantes e Universitários terão que pagar para utilizar o transporte Universitário, para completar o valor do transporte para cada semestre será integral dificultando ainda mais os jovens de família, mas simples.
Se muitos estudantes não tem condições financeiras de pagar mês a mês, imagine pagar o semestre inteiro, esta é uma das principais reivindicações dos estudantes daquele município, que o atual gesto tinha como uma de suas promessas de campanha o transporte universitário gratuito para os estudantes, já com dois anos de gestão e nada de cumprir as promessas de campanha feitas para a juventude do município.
Fonte: Ipaumirim.com


Chuvas também banham o Interior; barragens em Icó sangram

Enquanto as chuvas da pré-estação trazem problemas na Capital, causam mudanças no cenário do Interior do Ceará. Com as recentes precipitações que banharam o município de Icó, duas das cinco barragens do Vale do Capim Pubo começaram a sangrar na manhã deste sábado (19). Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a localidade registrou 23.0 mm de chuva.


As barragens da Forquilha dos Batistas e Carnaubinha, na zona rural do município icoense, na Região Jaguaribana, já estão transbordando. De acordo com moradores da região, mais duas barragens estão prestes a sangrar: as das comunidades Poço Cumprido e Jenipapeiro.

No Interior, a maior chuva foi registrada em Senador Sá, no Litoral Norte, que teve 104 mm. Na mesma região, o posto pluviométrico em Icaraí de Amontada acumulou 96 mm. Dois postos em Umari, no Cariri cearense, registraram 83 mm e 79.2 mm. 

As chuvas só não foram tão significativas ou nem mesmo caíram na região da Ibiapaba e no Sertão de Crateús.
Fonte: DN


sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Lavras da Mangabeira comemora centenário de Fideralina Augusto Lima

Fideralina Augusto Lima
A cidade de Lavras da Mangabeira comemora na manhã desta sexta-feira, 18, o centenário de morte da líder política e empresarial, Fideralina Augusto Lima. Pela manhã foi celebrada missa na Igreja Matriz de São Vicente Ferrer, pelo padre Benedito Evaldo Alves. A programa é uma iniciativa da Academia Lavrense de Letras (ALL). Em seguida, houve café da manhã e visita guiada com roda de conversa no casarão onde morou a homenageada.

Houve a doação da foto-pintura de Fideralina Augusto aos proprietários do casarão, Heitor Férrer e Magnólia Férrer. A obra foi doada pelo artista plástico, Francisco Ivo.
A presidente da Academia Lavrense de Letras, Cristina Couto, mostrou-se emocionada com a programação comemorativa do centenário de morte de Fideralina Augusto. “Era uma mulher à frente de seu tempo, líder, destemida, forte, e que sou administrar os seus negócios com sucesso”, contou.
Homenagens 
A programação inclui uma série de homenagens. Mérito Educacional Professor Gustavo Augusto Lima, concedido à professora, Maria Sizenita Venâncio Gonçalves. 
Maria Sizenita Venâncio Gonçalves

No período da noite haverá entrega de título de sócio honorário da ALL aos escritores: Benedito Vasconcelos Mendes, Heitor Feitosa Macedo, José Glauber Lemos, Jorge Emicles Pinheiro Paes Barreto e Raimundo Custódio Neto (Mundoquinha).
Casa de D. Fideralina

Entrega da Medalha Fideralina Augusto Lima aos pesquisadores e biógrafos: Dimas Macedo, Émerson Monteiro, Melquíades Pinto Paiva, Rejane Monteiro Augusto Gonçalves, Rui Martinho Rodrigues, Heitor Férrer. 

Ao meio-dia aconteceu almoço e visita guiada no sítio Tatu, propriedade de Fideralina Augusto.

Serão ainda homenageados: estudantes e pesquisadores: Cícera Rejane de Souza Magalhães, Flávia de Souza Oliveira, Lucas Oliveira de Freitas e Márcia Rhakell Guedes de Oliveira.

Incentivadores e pesquisadores receberão Medalha de Mérito Cultural: Maria da Glória Rolim Cavalcanti, Luiz Raul Cavalcanti. 

Opinião de parentes 


O deputado estadual, Heitor Férrer, foi taxativo: “Padre Cícero dizia que a história do Ceará passa por Fideralina Augusto, uma mulher de fibra, líder política e empreendedora”.
Fátima Lemos
Fátima Lemos: “Essa programação é um resgate à história do município”.
Olavo Filho
Olavo Correia Lima Filho: “É um encontro de geração, uns indo e outros vindos, junção dos novos com os mais velhos para transmissão da história”.
Fonte: DN

BNDES: saiu a lista dos 50 maiores devedores

O presidente Jair Bolsonaro deu a ordem e a direção do BNDES cumpriu. Hoje, o banco publicou na sua página na internet a lista dos seus 50 maiores devedores. Vejam:

Eunício Oliveira pede ao STF para arquivar inquérito que apura se ele recebeu propina

Eunício Oliveira - Presidente do Senado
O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) o arquivamento do inquérito que apura se ele recebeu propina da empresa Hypermarcas.

A investigação, no âmbito da Operação Lava Jato, foi autorizada pela Justiça com base na delação premiada do ex-dirigente da empresa Nelson José de Mello.

O inquérito apura se houve as práticas de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no recebimento de recursos para a campanha de Eunício ao governo do Ceará em 2014.

Alternativamente, caso o STF rejeite o arquivamento, a defesa pede que o inquérito seja enviado à Justiça Eleitoral quando Eunício Oliveira perder o foro privilegiado, a partir de fevereiro. O senador não se reelegeu e ficará sem mandato.

Argumentos

A defesa de Eunício argumenta que a investigação começou há três anos e, neste período, não foi coletado nada contra o senador que justifique a apresentação de uma denúncia (acusação formal).

"A insistência em prolongar as investigações viola as regras de duração razoável do processo com exposição e desgaste indevidos do requerente, atual presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional", completa a defesa.

Os advogados argumentam ainda que o senador nega qualquer repasse ilegal e diz que não há nenhum indício de corrupção ou lavagem. "Quer seja pela ausência de justa causa para prosseguimento da investigação, quer seja pelo tempo excessivo de duração deste procedimento, o inquérito deverá ser arquivado", afirma o advogado Aristides Junqueira, ex-procurador-geral da República.

O documento diz ainda que, mesmo que tenha havido repasses da Hypermarcas para a campanha de Eunício, isso não confirma que o senador participou de irregularidades. E que as suspeitas são na área eleitoral. "Apenas como pedido subsidiário, requer, ao menos, seja o procedimento encaminhado de forma que as investigações tenham como norte a comprovação de ilícitos eleitorais, também inexistentes, mas, jamais, corrupção passiva e lavagem de dinheiro."

Outros processos

Eunício Oliveira é ainda investigado em mais dois inquéritos no âmbito da Lava Jato e desdobramentos, mas neles é alvo de investigação junto com outros parlamentares que manterão o foro privilegiado. Por isso, os outros casos ainda poderão permanecer no Supremo. 
Fonte: G1



quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Filha mata pai com veneno para carrapato em visita à UTI

Um homem de 60 anos morreu após receber uma injeção de carrapaticida nessa terça-feira (15). A vítima estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Giselda Trigueiro, em Natal. A filha é suspeita de ter cometido o crime durante visita ao leito, segundo informa o UOL.

De acordo com a equipe médica, o tubo do soro havia mudado de cor e houve odor no ar. Uma seringa e o frasco do veneno foram encontrados na lixeira próximo ao leito.
A suspeita foi presa em flagrante e confessou o crime. Ela disse que comprou veneno para injetar no pai.
"Ela disse que sentia que o pai estava sofrendo muito e resolveu comprar o produto numa casa de ração para aplicar no soro. Depois que ela injetou o veneno, o aparelho que media a frequência cardíaca da vítima começou a avisar que os batimentos estavam acelerados. Ela se desesperou e chamou a equipe médica", disse o delegado Roberto Andrade, da DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa).
O material foi recolhido pelos peritos do Itep-RN (Instituto Técnico-Científico de Pericia do Rio Grande do Norte). "A acusada contou que pensou em desistir, mas foi em frente porque acreditava que o pai queria morrer", disse o delegado.
O homem era portador do vírus HIV e tinha tuberculose. O corpo da vítima será submetido a exame para apurar o que causou a morte.
A filha foi indiciada por homicídio qualificado pela falta de defesa da vítima e deve ser transferida para uma unidade prisional do Rio Grande do Norte.
Fonte: Uol

Jovem entra na linha de tiro e morre ao salvar a mãe de ladrões na Zona Oeste do Rio

Matheus Lessa
Um jovem de 22 anos morreu ao tentar proteger a mãe de assaltantes que atacaram o mercadinho da família, na noite desta terça-feira (15), em Barra de Guaratiba, Zona Oeste do Rio. Matheus Lessa foi atingido no pescoço e não resistiu. Os criminosos fugiram.
Dois ladrões chegaram ao estabelecimento, na Rua Francisco Furtado, às 19h30, e exigiram o dinheiro do caixa. Quando a mãe do estudante disse que não tinha mais nada, os bandidos a ameaçaram. Nessa hora, Matheus se jogou na frente da mãe e foi baleado. Ele foi socorrido, mas morreu a caminho do Hospital Municipal Rocha Faria, em Campo Grande.
A família e os vizinhos contam que este foi o segundo assalto ao mercado em dois meses. O mercado não tinha câmeras de vigilância, e o circuito interno dos vizinhos estava desligado.
Fonte: G1